Propeg cria laboratório de novas mídias em parceria com a UFBA « Observatório de Publicidade em Tecnologias Digitais
Rss Feed
Tweeter button
Linkedin button
Flickr button
Newsvine button
Youtube button
 

Propeg cria laboratório de novas mídias em parceria com a UFBA

Por Lucas Reis (29/11/2008)

Em um movimento incomum para os padrões do mercado da propaganda no Brasil, a Propeg fez uma parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA) para criar o que batizou de Observatório de Publicidade em Tecnologias Digitais. Instalado na instituição, o novo laboratório tem como objetivo desvendar o que há de mais inovador na comunicação publicitária no ambiente da web.

O idealizador do projeto é Alexandre Augusto, vice-presidente da agência baiana. Segundo ele, a idéia surgiu após assistir à palestra Inovação e Ruptura, apresentada por Clayton Christensen, professor da Harvard Business School e conhecido em todo o mundo por seu trabalho na área de inovação. Ele é autor de um artigo – “Uma hora a casa cai” – publicado pelo Meio & Mensagem em fevereiro deste ano.

“A internet está crescendo, mas ainda é incipiente quando comparada às grandes mídias. E a forma de preparar a agência para o futuro é formando um laboratório de novas mídias”, afirma Augusto.

Para a realização do projeto, a Propeg investirá cerca de R$ 60 mil ao ano, mais a colaboração dos órgãos de pesquisa CNPq e Capes, com R$ 40 mil em equipamentos, e R$ 5 mil da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fabesp). “É um investimento muito pequeno em relação à importância dos seus resultados”, comenta.

Iniciados há três meses, os trabalhos são realizados por oito pesquisadores bolsistas (graduados em jornalismo e produção cultural) e um coordenador adjunto, que passaram por um rigoroso processo de seleção para participar do projeto. A iniciativa conta ainda com a participação de Wilson Gomes, professor titular da UFBA, com doutorado em filosofia pela Pontifícia San Tommaso D?Aquino (de Roma) e pós-doutorado pela USP.

Segundo Augusto, há uma interação diária entre os pesquisadores e os profissionais da área de planejamento da agência, e a cada dois meses, em média, há uma apresentação de um trabalho sobre as tendências no segmento dentro da empresa. Até o momento, a agência já recebeu relatórios sobre mobile marketing, campanhas colaborativas, marketing de buscas e publicidade em redes sociais.

Os próximos a serem entregues são TV digital, publicidade em sites de notícias, publicidade em sites de compartilhamento de mídias e publicidade em games e advergames. Os conteúdos poderão ser divulgados em sites ou revistas.

Pioneirismo
Muito difundida nos Estados Unidos e países europeus, essa proposta de laboratório da Propeg, em conjunto com a UFBA, é considerada pela agência a primeira experiência focada em comunicação publicitária a surgir no Brasil. De acordo com Augusto, a intenção é estar bem à frente do que ocorre atualmente no mercado nacional. “Muitas empresas divulgam seus núcleos focados em web, mas quando se analisa é apenas uma dupla fazendo hot sites e banners. Poderíamos muito bem lançar uma Propeg Web ou uma Propeg 2.0, mas nosso projeto é bem mais sério que isso”, define.

Related Posts with Thumbnails
  • email
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Digg
  • LinkedIn
  • Technorati
  • Tumblr
  • Yahoo! Bookmarks
  • Reddit
  • MySpace
 

Comentários

Nenhum comentário até agora.

  • Deixe seu comentário
     
    Your gravatar
    Seu nome